Talvez você esteja construindo uma casa com móveis modulares ou reformando. Se você é como a maioria das pessoas, o banheiro provavelmente não está no topo de sua lista de prioridades. Ainda assim, o banheiro é a peça-chave de uma casa confortável, moderna e que funciona bem. Seguir algumas etapas simples pode ajudá-lo a encontrar o banheiro certo para você, tanto funcional quanto esteticamente. Lembre-se de que todas as toaletes não são construídas da mesma forma!
Passo a passo agora, vamos examinar:
1. A forma do vaso sanitário: As opções principais aqui são uma tigela alongada e uma tigela frontal redonda. A frente redonda tende a ser cinco centímetros mais curta e funciona bem para espaços menores. A frente alongada maior é mais confortável e higiênica, pois há menos gotejamento no vaso sanitário.
2. O tamanho do vaso sanitário: Existem muitas opções, com diferentes comprimentos, larguras e alturas. Certifique-se de medir o espaço disponível para o banheiro para garantir um ajuste confortável. Você também precisa considerar o espaço bruto, que é a distância entre o centro do vaso sanitário e a parede acabada, pois isso limita o tamanho do vaso sanitário.
3. O tamanho do alçapão do banheiro: O caminho do alçapão de fibra sintética é aquela parte do banheiro por onde sai a água e os resíduos. O padrão mínimo permite a passagem de resíduos com diâmetro de 1 ½ polegada. Você pode querer considerar um alçapão maior para minimizar os problemas de entupimento.
4. O sistema de descarga: Nos Estados Unidos, por lei, todos os banheiros devem ter um tanque de 1,6 galão para conservar água. No entanto, você ainda tem algumas opções.
• Em vasos sanitários alimentados por gravidade, o peso da água do tanque empurra os resíduos através de uma armadilha em forma de S, à medida que o sifão criado esvazia a tigela.
• Com banheiros assistidos por pressão, o ar no tanque é comprimido à medida que se enche de água. Ao enxaguar, o ar pressurizado empurra a água com mais força para dentro da tigela, resultando em uma melhor enxágue. As desvantagens, porém, incluem maior ruído, despesa e dificuldade de reparo.
5. Banheiros de uma ou duas peças: Banheiros de duas peças são mais comuns e baratos, e têm um tanque e bacia separados que são conectados quando o banheiro é instalado. Os vasos sanitários de uma peça têm 5 ou seis peças que são perfeitamente conectadas em uma única peça. Eles tendem a ser mais elegantes, mais caros, mais fáceis de limpar e menores, tornando-os ideais para espaços menores.
6. Recursos de manutenção: alguns banheiros têm recursos projetados para facilitar o cuidado deles. Por exemplo, a Toto, um fabricante japonês inovador, tem SanaGloss, um esmalte cerâmico que evita o acúmulo de bactérias e mofo, facilitando a limpeza do vaso sanitário. American Standard tem seu recurso EasyClean. A Kohler tem um forro isolado para algumas de suas linhas de banheiro, evitando o acúmulo de umidade na parte externa do tanque devido à condensação.
7. Aparência: embora um vaso sanitário precise funcionar bem, ele também precisa ter uma boa aparência em seu banheiro. Felizmente, os banheiros de hoje vêm em uma grande variedade de cores e tamanhos. Lembre-se, porém, que escolher uma cor diferente do branco pode aumentar significativamente o preço do banheiro. Uma abordagem que você pode considerar é escolher um vaso sanitário que faça parte de um banheiro, garantindo assim que os acessórios estejam em harmonia.
8. Outros recursos: banheiros de última geração podem vir com assentos aquecidos, sistemas de secagem de ar quente e bidês embutidos, como o Toto Washlets. Os banheiros da Kohler Comfort Height têm um assento mais alto, tornando mais fácil sentar e ficar em pé.
Pronto, agora você tem 8 etapas para encontrar o banheiro certo para você e seus entes queridos!
Não deixe de visitar nosso site para obter ainda mais informações.